12.10.10

Desperdiçamos muito tempo da nossa vida entre lamentos e discussões. Este ano, por força dos acontecimentos, tenho constatado esta realidade. Continuo no entanto a perder tempo com discussões parvas e lamentações estúpidas.
Hoje conheci um sr. que tem pouco tempo de vida e que daria tudo para não ser assim, um sr. que tem plena noção dos seus probelmas, no entanto luta desde que nasceu e continua a querer lutar. O pai daria a volta ao mundo para o salvar, mas não tem salvação. Hoje apeteceu-me chorar ali, hoje senti-me vazia e ridícula. Hoje conheci uma pessoa conversadora, dinâmica, lutadora, que não terá muito mais tempo para aproveitar, quando teria tantos planos. Isto é um abanão para nós, para todos os que discutimos, choramos e nos aborrecemos com males menores.
A vida é injusta? Cada vez mais vejo que sim.
Pronto, foi só para desabafar...

4 comentários:

Petra Pink disse...

estas situações mostram como somos tolos e vivemos numa concha cheia de egoismo e pequeninices.....

HAZEL disse...

É verdade, Aninha.
Quando a partida está próxima, todos os problemas e preocupações desaparecem.
Não há meio das pessoas aprenderem isso a tempo, sem ser nos últimos dias que lhes restam...
Estou contigo nisso.
Beijinho

Anónimo disse...

devia se aproveitar melhor a vida e todos os seus momentos, sem deixar fugir o que julgamos pequeno. Depois não conseguimos recuperar. As melhoras para esse seu amigo.

Selena disse...

Ô Aninha!
Concordo contigo até certo ponto, mas não acho que a vida seja injusta!
Injustos somos nós que não encontramos um caminho "mais justo" para enfrentar as coisas da vida terrena...nada é por acaso...as coisas são o que são! Mas podemos viver e ver de maneira diferente, sem fugir da realidade!

Ah, não veio ainda meu CARTÃOOOOOO!!! kkkk

Manda de novo! Snifff!

Beijo na sua alma, tão nobre e repleta de sentimentos!