18.3.11

As minhas amigas imaginárias

Quando era pequenina tinha amigas imaginárias. Quer dizer, eu sabia que elas não existiam, não era parva, mas ainda assim parecia-me mal brincar só com as bonecas, até porque eram quase todas mais novas do que eu, quanto muito tinham aspecto de idade para andar no infantário, nos primeiros anos. Por isso, depois de sentar as bonecas todas em cadeirinhas e brincar aos infantários, em que eu era a educadora que mandava fazer desenhos (fazia-os todos), elogiava e colava na parede, havia uma certa necessidade de conversar com alguém da minha idade.
A minha irmã nasceu já eu tinha quatro anitos, portanto era demasiado infantil para as minhas brincadeiras altamente sofisticadas.
Então, eu não tinha uma, nem duas amigas imaginárias, tinha um batalhão.
Lembram-se dos desenhos animados da Madalena? Aquela menina que vivia num orfanato, com uma freira muito querida (Miss Clavel) e eram todas amigas do Pepito? (quase ninguém que conheço se lembra...)
Eu adorava esses desenhos animados, portanto quando resolvi que era altura de ter amigas imaginárias, porque não ter um orfanato lá em casa? E tinha. A freira era a minha mãe, quando chegava ao quarto para dizer que a cama era para dormir e não para andar aos saltos, dar cambalhotas ou fazer o pino ou quando chamava para jantar. E as minhas companheiras tinham todas nome, eu não as confundia, apesar de serem muito parecidas e assim para o transparentes. E basicamente o que fazíamos eram maratonas de ginástica, todas alinhadas (sim, eu esperava pela minha vez), cada uma fazia a sua acrobacia e discutíamos as técnicas e afins. E sempre que precisava de desabafar, lá aparecia uma delas. A que eu gostava mais era a Carla, tínhamos grandes conversas. Coisas que, evidentemente, não poderia fazer com as minhas bonecas ou a minha irmã tão pequenas na altura...
E assim se passava o tempo lá em casa. Rica vidinha...

4 comentários:

spbfo disse...

O que eu gostava das aventuras da Madalena...Bons tempos!!
Essa da ginástica é que era mesmo fantástica :P

Formiguinha disse...

Por acaso lembro e até acho que cheguei a ver em filme.

Pois olha que eu também tinha muitas amigas imaginárias (até namorado) porque fui filha única (tinha dois irmãos mais velhos) durante 10 anos até nascer a minha irmã.

Por vezes ainda falo sozinha (ou para o boneco).:)

Bom fim-de-semana!
Beijinhos da Formiguinha

 Carla disse...

Eu lembro-me bem disso! Não eras ó tu filhinha, amava esses desenhos... vi o filme há pc tempo até. Amigas dessas por acaso acho que nunca tive, inventava era dialogos com os bonecos do Dragon Ball, mais tarde pokemons e afins... e percebo bem que gostasses mais da Carla. lool Eram uns óptimos tempos esses eram...

Sissamar disse...

Tb me lembro da Madalena! Deu até á pouco tempo no canal 2 logo de manhãzinha!
Beijinho